Alfinetolândia

março 4, 2010

Trilhos

Filed under: Uncategorized — Alf @ 12:59 am

quando adolescente eu tinha um colega que era conhecido pela suas observações toscas e sem sentido.

um belo dia, andreas, esse rapaz, começou a trabalhar. depois disso, pouco o víamos.

na real, sequer fazia muita falta. suas piadas não eram lá tão boas. não conseguia dar dois toques na bola sem rolar pelo chão. conseguia ficar parado olhando pro nada por umas duas horas a fio enquanto a molecada jogava bola.

andreas, na verdade, não era lá muito bom da cabeça. não que eu seja um exeplo de normalidade. mas as idiossincrasias do mancebo o faziam um sério candidato à alguma seita militarista-milenarista, igreja evangélica, escola secundária estadunidense ou faculdade de medicina.

bem, comecei a encontrá-lo de vez em nunca quando ia a algum sebo no centro de são paulo. sempre no metro.

um dia, uns três anos depois, andreas estava sentado num vagão de metro e, como sempre, olhando com cara de peixe morto pro nada. começamos a conversar e ele..

-é que é foda, cara. é muito foda. eu fico meio perturbado…

-com o que?

-cara, eu já vi umas dez pessoas se atirarem no metro. só essa semana foram duas. e ninguem fala nada! to tenso, véio…

eu tentei acalmar o moleque, que estava bem psycho, de facto. parece que consegui.

quer dizer, nem tanto…

a última vez que eu o vi, uns três anos depois acho que ele fazia faculdade de direito. quase!

**********************************************************************************

já no bacharelado, fiz um camarada que trabalhava no metro. por sinal, se chama andré.

contei a história e ele confirmou. ao menos uma pessoa por dia se joga nos trilhos.

**************************************************************************

hoje, saí de casa atrasado e entrei no metro clínicas. mal entro no vagão e aquele barulho de sabre de luz:

wooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooon tchunnnnz

o maquinista desliga a composição. em alguns segundos:

-estamos aguardando liberação após retirada de objeto que caiu na linha na estação a seguir. permaneçam dentro do vagão. (algo assim)

-obejto? pensei… é algum saco de presunto, talvez.

assim, enviei um sms para amigos.

eis três respostas:

Art:

HAhahaha. nenhuma noticia nos portais.

(como se algum noticiasse suicidios)

Giu:

Meu deus, achava que essas coisas só aconteciam em filme.

Jeremias Nosso Herói.

-parenteses

jeremias nosso herói é um dos primeiro amigos que eu fiz na graduação. ele se fode tanto e tá sempre numas histórias tão engraçadas que o apelido foi inevitável. – fecha parenteses

chuta a kbc do corno. grato.

lindo!

esse é nosso herói!

Anúncios

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.